Galáxias astecas . desaniversário

20:40 Gi Milanetto 14 Comments

Uma camada de Preto, L'Apogée + uma camada de Show, Ludurana + uma camada de Moonbow, Hits + pinceladas de Magnific, Fairy Dust e Sky, Ellen Gold.


Existem algumas datas nas quais gosto de fazer uma mani comemorativa, e o aniversário vinha sendo uma destas - o post do ano passado não me deixa mentir. Neste ano, acabei enrolando e passando a data, que foi ontem, com as mesmas unhas que já estava há dias - o Show, da Ludurana. O clima anda muito propício pra multichromes, então estava andando por aí movendo as mãos e olhando as unhas pra ver todas as cores que esse esmalte reflete. Na madrugada pós-aniversário, acabei tomando coragem e fazendo uma mani que valesse a pena ser fotografada e mostrada - agora, pelo meu desaniversário.


Durante a semana, tinha visto Tumblr afora uma mani que misturava elementos vintage com os padrões astecas, e decidi que essa seria minha referência na combinação de aniversário. Como ela só ficava linda se eu utilizasse um vidrinho ainda não lançado da Dany, achamos melhor adiar a publicação de fotos - e eu, adiar a execução do mix pensado. Não sei por qual razão, inventei de pesquisar por aztec galaxy, e não é que tem mais gente que imaginou que essa combinação ficaria bonita?


Tinha pensado em esponjar alguns esmaltes para criar o efeito de galáxias, mas após relembrar essa foto linda da Paula, resolvi reciclar minha esmaltação com o Show, já que ele em si lembra galáxia - o próprio nome da coleção denuncia essa intenção, Aurora Boreal. Cacei alguns glitters pelas minhas caixas, começando pelos esquecidos Phenomena da Hits, últimos esmaltes que comprei da marca. Uma camada de Moonbow deu uma excelente base pras minhas pequenas galáxias nas unhas...


Fui completando com batidinhas de Magnific, da Fairy Dust - um glitter holo rosado fininho, muito delicado - recebi este e alguns outros vidrinhos da marca para testar, como estava por cima da minha mesa, já entrou na dança! Em breve devo inventar algo com outros destes artesanais... - e de Sky, da Ellen Gold - este último, presente da Lari, composto todo de glitters prateados em dois tamanhos, também muito delicado.


Fui caçar um anel que combinasse e achei este, que ganhei da Lu, feito com o Ninja Polish Nebula, ideal. Olhando de longe, parecia que o esmalte do anel era o mesmo das unhas...


Por fim, uma camada de Base Glitter depois, comecei a desenhar as padronagens astecas, com caneta de gel branca - não é uma caneta específica pra nail art, mas funciona muito bem com essa finalidade. Já tinha usado uma vez numa nail art bem mais simples.


E com licença que tou me achando muito ninja de ter feito a padronagem na mão direita também... Não ficou perfeita e nem idêntica à da esquerda, mas não deixa de ser uma proeza pra alguém destra como eu.


As variações de cores do Show ainda se mantiveram, apesar de toda a tralha posta em cima... Multichrome costumava ser meu acabamento preferido antes do surgimento dos glitters artesanais, e estou com a sensação de que poderia usá-los por meses a fio novamente. A tática contra o perfume do Show, que costuma me causar enxaqueca, foi utilizar duas camadas de extra-brilho da Impala após a aplicação. O Impala é extremamente fedido, então acaba sendo mais forte que o perfume enjoado do multi...


O padrão asteca fica mais bonito em fotos comuns, mas a pequena galáxia só resplandece em sua grandeza num macro. Talvez eu invente mais esmaltações galácticas...


...E um feliz desaniversário pra mim!

14 comentários:

Um ano de Gesto Preciso

10:11 Gi Milanetto 32 Comments

Esponjado degradê com Tomoko, Zoya e That's What I Mint, Nicole by OPI.
Todos os anos, eu esqueço de comentar e comemorar o aniversário do Flickr, que é no mês de março, se não me engano. Este ano, tentei pensar em algo pra comemorar o primeiro aniversário do blog, e a ideia óbvia foi, logicamente, uma manicure. O ponto alto da minha comemoração, no entanto, foi ter usado esta esmaltação pra encontrar algumas amigas dos esmaltes, dentre as quais a pessoa responsável por eu ter ido em frente no projeto de criar um blog de unhas - Penélope Luz. E como amadrinhamento pouco é bobagem, foi também essa minha querida amiga quem clicou todas as fotos dessa postagem, além de me emprestar o anel e o colar, tornando-a ainda mais especial...


A ideia do degradê era imitar as cores da minha identidade visual, que foi toda baseada no Muse, da Ilamasqua, e no Skull & Glossbones, da OPI. Eu deveria ter sido lógica e feito uma mani usando esses dois vidrinhos, inventando uma nail art gráfica como é o meu logo, mas acabei ficando com vontade de um degradê de texturizados depois do vídeo da Kelly, e juntei as duas coisas.


Minha escolha de "correspondente texturizado" pro Skull & Glossbones foi o Tomoko, da Zoya. Ele é bastante diferente do Godiva, da mesma marca - mais clarinho e amarelado, diferentemente do tom nude assumido pelo primeiro texturizado que useiacreditem no que digo, não na comparação das fotos hahahah na época do Godiva, ainda não tinha muita noção de como tirar fotos na luz artificial. Ainda quero usá-lo sozinho, ou carimbar em cima - é um tom apaixonante!


Já para a versão arenosa do Muse, já me imaginava tendo que fazer umas misturanças, quando me lembrei do lindíssimo That's What I Mint, da Nicole by OPI. Comprei esse vidrinho na viagem e usei por lá mesmo, de tão lindo que ele é - um teal escuro, com uma textura delicada e comparável à dos Pixie Dust, o que acabou tornando a transição de cores bem possível.


Fiz o gradiente com esponja de banho mesmo, carimbando as duas cores de esmalte três vezes em cada unha. A fim de evitar muita sujeira, cobri as laterais das unhas e a cutícula com fita adesiva - dá um certo trabalho ficar cortando e posicionando as fitas, mas certamente é mais simples do que limpar os borrados de esmalte com textura. Morro de pena de tentar técnicas que gastam esmalte, em especial esses vidrinhos mais lindos e difíceis de conseguir reservas, mas realmente acredito que essa experiência valeu a pena. Ainda quero repetir com outras cores! Abaixo, uma foto de pertinho com cara de foto da Penélope Luz, pra mostrar como a transição de cores ficou bacana... Queria conseguir fazer esse mesmo gradiente com os cremosos. Quem sabe um dia...


O anel é multichrome e texturizado - estou esperando um multi como o Show da Ludurana em versão sand!


Enfim, sobre esse primeiro ano de blog, eu poderia falar em números - foram 80 postagens, 946 comentários, 122612 visualizações da página, 113 seguidores pelo Google Friend Connect e 403 curtidas na página do Facebook - pouco para um blog que procurasse crescer, muito para alguém despretensiosa como eu. O ponto é que não é mensurável o quão bacana é ler vários comentários fofos em cada postagem - desde quem só passa pra deixar uma palavra ou outra, até quem desenvolve um diálogo comigo. Dividir o meu hobby com gente do mundo todo - acho o máximo ver meninas de outros países comentando alguma coisa ou usando minhas manis como referência! - e compartilhar dum teco de vida de toda essa galera é enriquecedor, porque mesmo sendo muito diferentes umas das outras e tendo os gostos mais diversos, encontramos nosso canal de comunicação próprio. Pra mim, além de tudo, esmalte ainda é um jeito de brincar de fotografia e de garantir dedicar um pouco do meu tempo a mim mesma - de quebra, fiz alguns trabalhos lindos relacionados à área e ganhei amigas que sei que vou levar pra vida toda.


Só tenho agradecimentos! Espero acompanhar e ser acompanhada por vocês durante mais alguns anos, neste ou em qualquer outro canto da internet, e espero que tenham gostado da postagem que mais combina com o layout até o momento!

32 comentários:

Bravery, by Dany Vianna

17:42 Gi Milanetto 14 Comments

Uma camada de Color to Diner For, OPI + duas camadas de Bravery, By Dany Vianna, finalizado com Verniz Extra Brilho, Impala.


Andava com vontade de unhas vermelhas há um tempo, pensando até em repetir o Gitana e tirar fotos decentes do coitado, mas dado que o Bravery tinha chegado há pouco tempo e prometia ser muito lindo, acabou sendo minha escolha. Não tenho muitos esmaltes vermelhos, costumo passá-los pra frente logo após usar, mas esse OPI é tão digno que está sendo até repetido - seca rápido e tem um tom um pouco mais escuro e terroso. Havia testado o artesanal sobre um vermelho ligeiramente rosa, e a combinação acabou rosada demais.


A base deste esmalte é meio jelly, assim como o Cleverness, e os glitters são diversos formatos de dourado. Como usei duas camadas do indie, alguns glitters acabaram rosados, pois foram cobertos pelo pigmento translúcido. Achei o efeito bem bonito e interessante.





E apesar de sermos selecionados para uma única casa, acredito que todos temos uma característica ou outra que nos faria encaixar em qualquer uma delas - eu emprestei a cor dos cabelos dos Weasley, e o Mapa do Maroto do Harry. Sou quase da Grifnória HAHAHAHAHA


Peço desculpas antecipadamente pelo vídeo meio bagunçado, não tenho experiência com o modo de filmagem da câmera e não me lembrava muito de edição de vídeo, mas não tinha como não mostrar esse mapa 'encantado' (e de quebra, o esmalte em movimento...). Só dar o play aí embaixo!


Quem quiser este ou qualquer outro esmalte da Dany, só entrar em contato com ela através da fanpage.



14 comentários: