24 Karat Diamond, F.U.N Lacquer

12:15 Unknown 21 Comments

Uma camada de Miranda, Rivka + duas camadas de 24 Karat Diamond, F.U.N Lacquer, finalizado com Verniz Extra Brilho, Impala.


Um dos meus recalques da vida esmaltística, além do fato de que nenhum tom de coral fica bonito no meu tom de pele, é provavelmente não saber fotografar holográficos com a dignidade que eles merecem - é quase notável o fato de eu quase nunca postar holos, embora até tenha um número considerável de vidrinhos com esse acabamento. Mas não pude deixar de, ao menos, tentar registrar este - trata-se de um esmaltinho emprestado, então preciso das fotos pra me lembrar do quão lindo ele é! HAHAHA


Enquanto babava uns litros nos vidrinhos da Dance Legend da Ana, esse bonito gritou por atenção, num disquinho, exatamente por conta desse efeito super diferente. Quando perguntei qual era, nem me surpreendi - já vinha cobiçando-o pelas fotos, e tinha até colocado este e uns outros irmãos num carrinho que não cheguei a comprar no próprio site da F.U.N Lacquer. Então ela me emprestou, a troco dum 'post com fotos lindas'. Pena que as fotos definitivamente não reproduzem a beleza do esmalte...


Eu não costumava gostar de esmaltes holográficos, e a primeira cor a qual me rendi foi o prata - desde então, tenho alguns nesse tom, vários até parecidos, de tanto que gostei do efeito nas unhas. O 24 Karat Diamond, no entanto, é totalmente diferente de qualquer um dos já conhecidos pratinhas - é um glitter muito holo e super leve - quase não deixa textura na unha, o que é o grande diferencial dele em relação a qualquer outro glitter forte dessa cor. Imagino que o efeito é parecido com o de um foil, embora ainda não tenha usado foil algum pra comparar com mais certeza.


Acho que a imagem mais fiel é a primeira do post - ele não tem essa pegada cinza, meio esbranquiçada, que fica nas imagens: em qualquer luz mixuruca, forma até um certo prisma. Em luzes bem difusas, acaba se tornando um pratinha comum, mas no geral, é caótico usar essas unhas - por ficar admirando o efeito, é perigoso dirigir, usar facas, derrubar celular, ou alguém mandar me internar, porque ninguém deve achar normal uma menina passar tanto tempo olhando pras próprias mãos.


O esmalte, um artesanal de Cingapura, é uma cobertura, composto apenas destes glitters mega holo - a marca tem uma versão com spectraflair na composição também. Como queria o efeito exato do vidro nas unhas, usei uma camada de um holo fraco prata qualquer - no caso, o Miranda da Rivka -, apenas para evitar que os espaços entre um glitter e outro ficassem vagos.


Ainda estou pensando em como irei reciclar essa mani, pra poder aproveitar mais uns dias de holografia na ponta dos dedos - talvez a mani da copa, que fiquei com medo de fazer no dia do jogo e dar azar pra seleção...


Faltou um anelzinho de diamantes pra combinar com esse esmalte ryco HAHAHAHA mas ainda assim, estou encantada com o vidrinho, o efeito e as unhas.


A última foto, só pra admirar mais um pouquinho.
Pronto, parei. HAHAHA


Ana, muitíssimo obrigada pelo empréstimo!

21 comentários: