Praia Grande, Penélope Luz

16:07 Unknown 22 Comments

Duas camadas de Praia Grande, Penélope Luz.

E depois de tantos dias de blog parado - confesso, esse fim de ano anda extremamente corrido - cá estamos com uma postagem que conta com uma novidade mega especial - o esmalte de hoje é um integrante da coleção Magical Sand, da Penélope Luz. Não são os primeiros esmaltes texturizados nacionais, mas devo dizer que são os melhores, ao meu ver!


Os esmaltes texturizados surgiram mais ou menos há um ano atrás, e foi um acabamento novo que muitas desdenharam à princípio, já que a maioria de nós adora unhas lisinhas e espelhadas, enquanto a nova proposta seria criar esmaltes que ficassem ligeiramente ásperos - as primeiras linhas nesse estilo chamam-se 'Liquid Sand', da OPI, e 'Pixie Dust', da Zoya. Muitas marcas gringas lançaram suas versões do acabamento texturizado, e durante este ano, várias marcas nacionais também o fizeram, com mais ou menos sucesso na proposta.


O que torna os Magical Sand da Penélope Luz especiais, ao meu ver, é a delicadeza da textura. A maioria das marcas nacionais que lançaram algo parecido acabavam adicionando partículas muito grossas ao esmalte, enquanto as versões gringas sempre foram super delicadas, algo que Lu conseguiu nos seus vidrinhos. Dêem uma espiada no macro desse lindo!


O esmalte é preto com glitters dourados, o que o deixa levemente amarronzado, e diferente dos outros que já tinha - o Dahlia, da Zoya, é preto com glitters prateados, e o What Wizardry is This, da OPI, é marrom com glitters dourados. Eu sou muito fã desses texturizados escuros e elegantes, e foi essa a razão de eu ter escolhido o Praia Grande como o primeiro a ser usado e fotografado, embora a coleção esteja repleta de cores lindas, e eu não tenha nem ideia de qual será o próximo... HAHAHA


E além da beleza toda da coisa, eu não posso deixar de enfatizar o quanto eu sei que essa coleção foi trabalhada. Eu adoro contar pelos sete ventos o quanto amo e admiro a Lu, e o quanto ela é uma amiga querida pra mim, e por conta disso, acompanhei a saga pelos 'sands da PL', desde os primeiros testes... A descoberta de que não era só glitter, de que havia um pigmento especial, de que era difícil encontrar revendedores desse material, testes de ajuste da base, garantir que a secagem ficasse boa como a dos importados... Tenho certeza de que, para essas meninas talentosas todas que trabalham com esmaltes artesanais, o momento de criação de cores e escolha de nomes é uma etapa, e não o conjunto todo - o que se mostra realmente trabalhoso é garantir que aqueles vidrinhos terão qualidade, tal como qualquer uma de nós - e delas mesmas - adoraria poder comprar sempre.


Testei o Praia Grande de vários jeitos, porque queria que ele ficasse bem fosco, como os gringos. Tem unhas com uma camada de base fosca e uma do PL, tem unhas apenas com duas camadas do PL e tem até uma com base e uma única camada do PL, e secou com o mesmo efeito em todas.


E não posso negar que rola um orgulhinho dessa coleção com o rótulo novo... Embora a coleção passada já tenha trazido a identidade visual orgulhosamente reformulada por mim, foi nessa que ela realmente ficou realçada. E aí vem mais uma prova do esforço da Lu - essa coleção deveria ter saído no lugar da anterior, aquela que contém os dois esmaltes foscos, mas como ainda não estava perfeita em cada detalhe, foi postergada.


E nem tem muito mais o que afirmar sobre esse vidrinho. Acho que tanto ele quanto os outros da coleção irão ganhar o coração de todas as pessoas que forem fãs de esmaltes texturizados! Quem quiser saber onde comprá-los, só consultar a fanpage ou o site da marca. Espero usar mais alguns desses vidrinhos cheios de amor e trabalho, e compartilhar as fotos com vocês!

22 comentários: